CARREIRA CATEGORIAS DICAS ROTEIRO

ROTEIRO PARA VÍDEO EXPLAINER

24 de dezembro de 2018

author:

ROTEIRO PARA VÍDEO EXPLAINER

A produção de vídeos tem conquistado o mundo em vários níveis diferentes. Ela continua a crescer exponencialmente e uma das melhores formas de promover seu negócio é o chamado vídeo explainer. Este é um tipo de vídeo em alta que, em uma curta duração, mostra soluções para os problemas dos clientes. E, de quebra, apresenta o trabalho da sua empresa.

Nos primeiros minutos do vídeo abaixo, você pode entender melhor o conceito de vídeo explainer com um exemplo prático (em inglês):

Existem diversos passos que você deve seguir antes de decidir o tipo de vídeo que você quer fazer para a sua empresa. O primeiro passo é a criação do roteiro. Você vai precisar chamar a atenção do público para poder demonstrar o trabalho da sua companhia. O Site filmlifestyle.com reuniu algumas dicas para criar um roteiro de sucesso para o vídeo explainer da sua empresa.

O que deveria ter nesse roteiro?

Em primeiro lugar, você deve estar pensando no motivo pelo qual você deve colocar um vídeo de apresentação em sua estratégia de marketing. Afinal de contas, você já tem uma boa presença online, as pessoas conhecem seus produtos. O que mais poderia ser dito neste roteiro?

Quando as pessoas decidem assistir a um conteúdo em vídeo, elas estão certas de encontrar a solução para algum problema. É muito mais simples assistir um passo a passo de como resolver o seu problema do que ler um enorme texto explicativo sobre o assunto.

Portanto, a primeira parte é entender que os clientes precisam assistir seu vídeo como uma solução de problemas, não como uma simples publicidade, ou vídeo de venda de produtos. Veja abaixo dicas sobre como mostrar à sua audiência que você se importa genuinamente em resolver estes problemas.

Além de chamar a atenção, você vai construir uma relação de confiança e criar consumidores leais ao longo do tempo.

Como escrever roteiro para um vídeo explainer do seu negócio

1. Crie uma estrutura simples

Como em qualquer texto de marketing, o roteiro para seu vídeo explainer precisa de uma estrutura simples: introdução, corpo e conclusão. Cada trecho desses deve contar ao cliente uma história e mostrar como resolver um problema. Assim sendo, a introdução precisa contar detalhes sobre o problema a ser resolvido.

A seguir, no corpo, você mostra como resolver aquele problema e simplificar a vida do cliente. Essa é a parte em que você introduz a marca e mostra como seu produto pode solucionar aquela preocupação.

E então, ao invés de uma conclusão, mostre aos seus clientes como seu produto é melhor que o da concorrência. Dê razões para que as pessoas escolham ele em detrimento de outros. É nesse momento que você pode dar detalhes de como funciona seu produto e quais as vantagens em relação ao que já existe no mercado.

2. Adicione uma pitada de humor

Pense no seguinte: você está assistindo dois vídeos explainer falando sobre o mesmo produto. Um deles com um texto técnico e direto, outro mais leve e com frases engraçadas. Existem grandes chances de você acabar optando pelo vídeo mais leve e divertido.

Mesmo que você esteja tentando promover algo bastante técnico, isso não quer dizer que você precisa evitar o humor. Ao falar de um jeito mais divertido, você permite a uma parte do público não especializada a entender melhor o seu produto.

Portanto, a recomendação aqui é: use listas e designs divertidos nos vídeos e ilustrações. Isso certamente vai manter sua audiência engajada até o final do conteúdo.

3. Mantenha seus vídeos curtos

É um dado de conhecimento geral que 85% das pessoas assistem um vídeo por até 30 segundos. Por outro lado, quando o vídeo tem até 2 minutos, 50% das pessoas assistem até o final.

Com isso em mente, entenda: caso seu vídeo explainer tenha mais de 2 minutos, as chances de que o público assista tudo baixam drasticamente.

Ou seja, a conclusão aqui é simples: se você quer que as pessoas assistam todo seu vídeo, mantenha ele curto e direto ao ponto.

Via de regra para roteiros: 160 palavras fazem um vídeo de 1 minuto e 240 palavras 1 minuto e meio. Portanto, tenha isso em mente quando for criar seu roteiro e procure entender onde pode reduzir para chegar a um bom resultado com menos de 2 minutos.

4. Call to action

Fazer um vídeo explainer não é uma tarefa só pela diversão. Você também espera por uma reação da sua audiência, impulsionada pelo chamado call to action.

Dessa forma, ao escrever o seu roteiro, seja claro no final o que você quer que as pessoas façam. Seja se inscrever numa newsletter, clicar num botão de download, compartilhar um conteúdo, ou acessar uma página com mais infonrmações.

Porém, seja direto. Coloque apenas um call to action por vídeo. Colocar diversas possíveis ações ao final do seu vídeo pode confundir o público, que vai acabar saindo do site sem fazer o que você quer que ele faça.

Caso você tenha diversos calls to action, é possível ainda criar vídeos semelhantes, cada um com sua chamada específica para a ação. Assim, você vai conseguir do público exatamente o que busca com o vídeo explainer.

5. Conte uma história

A essa altura, você já sabe que para seu vídeo explainer dar certo, você precisa ajudar a resolver um problema real do seu público. Ao mesmo tempo, você precisa estabelecer uma relação emocional e mostrar um lado humano no seu conteúdo.

A melhor forma de mostrar empatia e se conectar com o público é contar histórias. Sabendo como entrelaçar esta história com a resolução dos problemas, você terá um vídeo memorável.

Além disso, você precisa falar diretamente com o público. Soar como se você soubesse exatamente das maiores preocupações e usar pronomes pessoais como “você”, sempre que possível. Fale com seus clientes como se estivesse contando a um amigo sobre aquele produto.

Outro ponto essencial: o tom de voz. Crie um perfil do seu consumidor potencial e adapte o tom de acordo com ele. É baseado nesse perfil do seu consumidor que você vai decidir se vai criar uma apresentação mais sóbria para empresas, por exemplo, ou mais colorida e leve.

Conclusão

Por fim, lembre-se que falar pausadamente e de maneira relaxada pode fazer toda a diferença. Entenda que pode ser a primeira vez que um possível cliente pode estar ouvindo falar da sua empresa. Então, faça com que ele entenda de maneira mais simples o que você está propondo.

Outro fator que pode ajudar bastante é saber exatamente qual o seu público-alvo. Isso permite entender de que forma os clientes vão entender seu conteúdo e permite criar o ambiente correto para passar a sua mensagem.

Fique ligado no canal da OZI no YouTube para receber muitas dicas interessantes. Até a próxima e desejamos um feliz natal a todos! (=

Deixe o seu comentário