CÂMERAS CATEGORIAS DICAS FILMAGEM FOTOGRAFIA OZI VLOG REVIEW

REVIEW: SONY RX100 Mark V

2 de janeiro de 2019

author:

REVIEW: SONY RX100 Mark V

Fala galera! Para começar o ano a todo gás, hoje vamos conhecer melhor a Sony RX100 Mark V. Uma câmera bastante compacta, que pode surpreender nas suas produções.

Dá uma olhada no OZI Vlog #328, onde Maurício Fonteles fala tudo sobre este modelo para que você conheça todos os detalhes da Sony RX 100 e descubra se ela se encaixa no seu perfil de trabalho. Saca só:

SONY RX100 MARK V: COMPACTA x POSSANTE

O primeiro detalhe que você pode ver na Sony RX100 Mark V é que ela é uma câmera pequena, ou seja, cabe na palma da sua mão. Entretanto, não se deixe levar pelo tamanho: a RX100 faz vídeo em 4K, além de excelentes funções de câmera lenta, gravando em 960 fps.

QUALIDADE DE IMAGEM

A Sony RX100 Mark V permite fazer filmagens em 1080p e 4K. Apesar de gravar em 4K, Maurício conta sobre um ponto negativo: após cinco minutos gravando nesta resolução, ela começa a esquentar. Isso pode acabar sendo um problema, especialmente se você precisa fazer uma produção inteira nesta qualidade, por exemplo.

CÂMERA LENTA

Para quem gosta de trabalhar com câmera lenta, a Sony RX100 é incrível. A câmera permite gravar em 24, 30, 60 e 120 fps com altíssima qualidade. Além disso, pode chegar a até 960 fps em modo câmera lenta, que pode ser interessante em algumas produções.

DISPLAY

Um outro ponto de extrema importância, especialmente para quem grava vlogs, ou só preicsa de uma boa referência de imagem. A Sony RX100 traz uma tela que gira 180 graus. Ou seja, você pode ver o seu vídeo ao mesmo tempo em que estiver gravando.

Além disso, a câmera conta com um viewfinder eletrônico disponível tanto para filmar quanto para fotografar. Dessa forma, sua referência de imagem pode ser muito mais exata em qualquer ambiente.

LENTE

A câmera oferece uma lente de boa abertura (1.8-2.8). É o equivalente a uma 24-70mm de uma full frame, com um range de enquadramento de imagem bastante adequado.

ISO

Com taxas de ISO que vão de 100 a 12800, a Sony RX100 Mark V grava em baixas condições de iluminação com bastante personalidade. Isso quer dizer que, apesar de não chegar na mesma qualidade de câmeras mais robustas, você pode sim alcançar bons resultados em cenas mais escuras.

GRIP

Como falamos acima, um dos maiores pontos positivos dessa câmera é o fato dela ser bastante compacta. Contudo, isso pode acabar jogando contra. Isso porque na hora de gravar, a falta de apoio, ou de firmeza ao segurar a câmera pode acabar gerando imagens tremidas, por exemplo.

Para nossa sorte, ela conta com um estabilizador interno, o Steadyshot, que é bastante interessante. Claro que você pode também trabalhar com gymbals ou estabilizadores externos para facilitar ainda mais a sua vida.

PERFIS DE COR

Outra grande vantagem desta câmera é a possibilidade de trabalhar com os famosos perfis de cor das câmeras Sony. Apesar de não ter exatamente todos disponíveis, ela permite usar por exemplo o Slog2, que é um preset bastante interessante para diversas produções.

Por fim, a Sony RX100 Mark V, como Maurício conclui, não é a primeira câmera que você precisa ter no seu setup. Esta é uma câmera que custa em média $1000 em lojas estrangeiras e pode variar de R$ 4.000-7.000 em lojas no Brasil. Portanto, é um tanto cara para as suas funções relativamente limitadas.

Por outro lado, ela é uma câmera para quem precisa produzir conteúdo rápido e com agilidade. A Sony RX100 Mark V oferece diversas possibilidades práticas, além de ser um equipamento coringa para você ter sempre por perto e gerar conteúdo de alta qualidade a qualquer momento. Além disso, é uma excelente segunda câmer para fazer pequenos inserts, making of, material de cobertura, por exemplo.

Fique por dentro do canal da OZI no YouTube para conhecer mais equipamentos e receber mais dicas. Até a próxima!

Deixe o seu comentário