ÁUDIO CATEGORIAS DICAS PRODUÇÃO

Relação sinal x ruído

7 de janeiro de 2019

author:

Relação sinal x ruído

Fala galera! No post de hoje vamos tratar da relação sinal x ruído dos equipamentos de gravação de áudio.

Captar som de qualidade é uma premissa básica para o sucesso do seu vídeo. Portanto, entender como funcionam os gravadores e outros equipamentos de som e qual a relação entre o sinal e o ruído de cada um deles pode acabar sendo essencial para a sua produção.

Confira abaixo o OZI Dicas #10, no qual Maurício Fonteles fala tudo sobre o assunto!

A relação sinal x ruído

Como você pôde ver acima, a relação entre sinal e ruído nos gravadores varia de acordo com o volume que você configura o pré-amplificador. Quanto maior o volume, mais chances de chegar em algum nível de ruído.

Portanto a dica é encontrar esse equilíbrio antes de começar a gravar, para não haver surpresas no meio do caminho.

Ambiente x som

Digamos que você esteja fazendo uma entrevista com uma pessoa que fala um pouco baixo. O resultado dessa gravação pode acabar deixando os níveis de ruído ambientes tão altos quanto a voz do entrevistado.

Uma dica neste caso é aproximar o máximo possível o microfone ou gravador da pessoa que está falando.

Contudo, esta dica serve também para outras situações. Caso você esteja gravando em um ambiente movimentado e com muito ruído externo é primordial deixar o microfone ou gravador o mais próximo possível da pessoa para não acabar corrompendo a qualidade do seu áudio.

“E lembre-se sempre: às vezes um ambiente favorável para a filmagem não é um ambiente favorável par a captação de som.”
–Maurício Fonteles

Evite resolver na pós-produção

Essa é uma regra básica para a produção de vídeo de modo geral: não deixe para resolver nada na pós-produção. Muitas vezes você pode acabar não conseguindo sequer chegar no resultado que queria.

Por exemplo: você gravou um material com níveis de áudio muito baixos. Os softwares de edição permitem que você ajuste o ganho de áudio. Entretanto, como você deve imaginar, caso você precise aumentar demais o ganho, vai acabar trazendo junto todo aquele ruído indesejável.

No momento da gravação é importante que você tenha um bom nível de captação (-20db até -6db) e ter o ruído bem abaixo disso. Claro que existem formas de trabalhar e reparar esse som, como os redutores de ruído, mas não é uma prática muito recomendável.

Faça a gravação da maneira correta e evite esses imprevistos.

Ou seja: a relação sinal x ruído acontece em dois momentos da produção de vídeo: a) dentro do equipamento, que precisa ser configurado de forma a não exaltar demais os ruídos externos e b) no ambiente onde está sendo gravado seu vídeo.

Portanto, é indispensável pensar em lugares onde a distância entre a voz da pessoa que está falando seja mais alta do que os ruídos externos, dessa forma chegando a uma boa relação para o resultado final.

Gostou? E você, como costuma gravar áudio para seus vídeos? Direto da câmera? Dá uma olhada neste post do ano passado no qual falamos sobre som direto. Ah, e não se esqueça de seguir o canal da OZI no YouTube para mais dicas como estas. Até a próxima!

Deixe o seu comentário