CARREIRA CATEGORIAS DICAS PRODUÇÃO

DICAS PARA VÍDEOS CORPORATIVOS

11 de dezembro de 2018

author:

DICAS PARA VÍDEOS CORPORATIVOS

Fala galera! Chegando as festas hein! Vamos seguir dando mais algumas dicas sobre vídeos corporativos. Existem diversas formas de mostrar aos seus clientes como gerar valor ao negócio por meio dos vídeos. Neste post, você vai encontrar 5 formas de fazer isso de maneira inteligente.

Na mesma medida em que o panorama do marketing digital continua a evoluir, uma coisa é certa: o vídeo corporativo nunca vai deixar de ser um fluxo confiável de renda para os profissionais de audiovisual. No entanto, para muitos, pode haver anos mais difíceis que outros, à medida em que os vídeos passam a exigir produções cada vez mais complexas.

Portanto, para valorizar ainda mais seus projetos de vídeo corporativo, o site Premium Beat separou 5 dicas infalíveis para garantir a confiança de seus clientes e receber cada vez mais feedbacks positivos de seus trabalhos:

5 dicas para produzir vídeos corporativos

1. Encontre soluções

Antes de mais nada, é preciso entender: a melhor maneira de valorizar um projeto corporativo é entender sobre o negócio em questão. As melhores produtoras ou agências não são exatamente as que fazem os melhores vídeos, mas as que oferecem as melhores soluções.

Um bom relacionamento com o cliente envolve passar um tempo entrando no universo do trabalho de cada um. Ou seja, pesquisar sobre o ramo e sobre o mercado, sobre o que funciona ou não para os seus concorrentes, por exemplo.

2. Pacotes de social media

Uma das maiores oportunidades no mercado de vídeos corporativos é oferecer também pacotes de social media. Isso funciona bastante quando a empresa procura vídeos institucionais para o site, ou apenas cobertura de eventos, por exemplo. Entretanto, você pode sempre sugerir cortes para outras mídias sociais, como o Instagram e versões verticais para stories ou IGTV, por exemplo.

Obviamente isso requer tempo de sua parte e seu contrato precisa refletir isso. É bom lembrar também que cada rede social tem guias específicos com suas melhores práticas.

3. Grupos de clientes

Uma outra abordagem interessante é o conceito de grupo de clientes. Isso pode não servir para todo e qualquer cliente. Contudo, pode funcionar bem caso você trabalhe com o mesmo segmento, por exemplo.

Embora cada entidade possa não ser capaz de financiar um vídeo individualmente, você pode acabar montando vídeos em conjunto. Dessa forma, vai criar vídeos mais rentáveis para as empresas e mais eficientes para a sua equipe.

4. Use e abuse de seus próprios canais

Dependendo do tamanho da sua marca (e de quantas pessoas a acompanham online), publicar vídeos de clientes nas suas próprias redes pode ser uma excelente saída. Isso se você quer criar uma marca forte e mostrar vídeos corporativos que chamem a atenção. Publicar nas suas redes o portfólio da sua produtora pode fazer toda a diferença.

Se você está produzindo conteúdo online para seus clientes, não custa nada repostar o que foi feito em suas próprias redes (caso seja viável, em contrato). Claro que você pode sempre mostrar esses trabalhos em um demo reel, mas impulsionar estes conteúdos em posts individuais oferece um showcase excelente para prospectar novos clientes.

5. Acompanhamento de 3, 6, e 12 meses

Por fim, é bastante recomendável que você acompanhe seus clientes a cada três, seis e 12 meses. Dessa forma, você mantém alinhadas as necessidades de vídeo do cliente. Além de mantê-lo atualizado sobre projetos que você esteja também trabalhando e possam interessá-lo).

Caso você tenha produzido conteúdo online, publique novamente, de forma a impulsionar o seu portfólio e relembrar ao cliente como seu trabalho foi importante naquela época.

Ótimas dicas hein! Trabalhar com vídeos corporativos é fazer parte do negócio do seu cliente. É por meio dos vídeos que você vai produzir que ele vai conquistar, entreter e encantar seus próprios clientes.

Espero que tenham gostado das dicas. Não se esqueçam de seguir o canal da OZI no YouTube para mais dicas! Até a próxima!

Deixe o seu comentário